Tempo

“Todos os dias quando acordo, não tenho mais o tempo que passou… mas tenho muito tempo,” temos sim, todo o tempo do mundo.

Tempo é prioridade. Tempo é poder esperar. Não esperar. Urgência. Lentidão. Tempo é hoje, é agora.

E agora é tempo de ser feliz. Esquecer as coisas tristes do passado, aquelas que nos fizeram chorar… O passado é bom quando nos faz lembrar pés descalços no chão, banhos de chuva, água gelada das cachoeiras e fatias de melancia.

O importante é o aqui. O agora. O resto nada mais importa. Nem a estiagem do cerrado, o trânsito lento, a cara feia, o mau humor, menino chorando ou cachorro latindo!

O que vale é o sol que nasce a leste todas as manhãs, independente de qualquer coisa, de qualquer dor, de qualquer sorte. E aí nossas esperanças são renovadas, os desafios são buscados e o aprendizado é o produto das nossas experiências.

Viva e deixe viver. Liberte-se das amarras do passado. Seja feliz. Porque “temos todo o tempo do mundo”. Temos HOJE e é tudo o que importa.

 

Anúncios